quarta-feira, 12 de setembro de 2007

Dalai Lama

O PSD, sempre pronto para a mais descabelada demagogia nesta última oposição, está a perder a oportunidade de mais uma demagogia: criticar o PS por o governo não receber o Dalai Lama. É claro que poderia fazer esta crítica por demagogia, mas também por acreditar sinceramente que Portugal só tem a perder respeito por não se dar ao respeito de defender os nossos valores essenciais.

Certamente que tal afirmação teria algum custo dos lados de Belém, mas a verdade é que nesse palácio também não se escolheu a atitude mais nobre. E por isso, também há que se pagar as consequências.

2 comentários:

kermit disse...

Dalai Lama é um dos activistas que fala da Paz como algo que parte de cada um, uma paz individual como catalizador da Paz colectiva. Essa forma de estar na vida, essa perspectiva sobre o mudo e sobre cada um de nós deveria, de facto, de estar acima de todas as conveniências Politicas. É um dos momentos mais negativos do governo desde que tomou posse. É um “baixar de calças” que a mim português me envergonha.

Carreira disse...

Mais uma vez as reacções foram as menos acertadas quer por parte do governo, quer por parte da oposição.
Cumprimentos,
José Carreira